Floresta no deserto: Jordânia planeja criação de oásis artificial sustentável

Pode parecer miragem, mas não é. Um oásis artificial de 200 mil m² deverá ser criado pela Jordânia na cidade de Aqaba, próximo ao Mar Vermelho, pode ser o início da criação de florestas em desertos. Embora a dimensão seja admirável, a obra é apenas um piloto. A ambição é muito maior: construir um oásis no gigantesco deserto do Saara.

O projeto, apresentado pelo EcoD em 2011, foi idealizado por um grupo de pesquisadores ingleses e noruegueses, que afirmam já dispor de toda a tecnologia necessária para transformar os desertos em florestas. O Projeto Floresta no Saara (Sahara Forest Project, em inglês), pretende levar vegetação à regiões secas utilizando o que há de mais moderno na tecnologia.
oasis.jpg

Para conseguir água fresca, comida e energia de forma sustentável, os pesquisadores utilizarão energia solar concentrada, água do mar e cultivo de culturas tradicionais. O oásis artificial conterá com uma usina termossolar, que utiliza o calor do sol e não os raios para gerar energia, e uma estufa alimentada por água salgada.

A estufa, já testada em pequena escala, será utilizada para cultivar vegetais na alimentação e algas na produção de combustíveis. Já a energia produzida converterá água salgada em água doce, que é então usada para cultivar hortaliças e algas que absorverão o gás carbônico.

A construção do oásis começa em novembro de 2012.

Publicado em: http://www.ecodesenvolvimento.org/posts/2012/agosto/jordania-planeja-criacao-de-oasis-artificial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *